Jaloo – do underground paraense para o mundo pop

Por em segunda-feira, 2 maio 2016
jaloo

Como anda a cena independente da música no Brasil? Muita coisa interessante surge todos os anos, mas o acesso nem sempre é fácil, ou por falta de divulgação e cobertura das mídias ou por se tratar de trabalhos com um toque experimental, e é nesse mix de independência que Jaloo traz do Norte um som autoral e extremamente original.

No final de 2014, Jaime Melo – Jaloo – lançou seu primeiro EP intitulado “Insight”, e junto com ele uma musicalidade bem diferente da tradicional música paraense, sem negar as suas origens. Jaloo tem uma pegada que vai do brega e MPB até a música eletrônica, e que se auto intitulou sci-fi brega para divulgar seus primeiros trabalhos covers.

Já tendo participado de trabalhos com Mc Tha e Deize Tigrona, Jaloo faz um bom trabalho como DJ e não só compõe como também fez em casa algumas de suas próprias captações de áudio para seus trabalhos, o que segundo sua entrevista para a Rolling Stones traz a satisfação de obter contrastes na conclusão de suas músicas.

Além das músicas de construção peculiar, seus clipes costumam usar e abusar de arte e criatividade de uma forma belíssima e sem podas. É simplesmente bonito e interessante que algo que eu não conhecia há pouco tempo seja tão bem produzido. Como sugestão, indico os clipes “Downtown”, “Ah! Dor!” e “Insight”.

Arquiteto fissurado por tecnologia e por qualquer coisa que remeta a ela. Gosta de exercitar a criatividade inventando coisas irrelevantes ou com atividades pseudo artísticas e culturais. Especialista em sobrevivência, astronomia, física e qualquer outra coisa, graças ao Discovery Channel.

Comentários